Arte&Cultura

Músicos apresentam shows e debate sobre música e a temporalidade

O Duo Sagawa Galvão – formado pelos  músicos  o saxofonista Fernando Sagawa e o violonista Franco  Galvão –  apresenta hoje, 11/10, o espetáculo “Espera” no  Instituto Pavão Cultural. (endereços abaixo)  Ambos estudaram Musica e realizaram projetos de pesquisa na Unicamp.  E mesmo com a curta  carreira juntos, a dupla já conquistou  o prêmio para gravar no esfamoso estudio Rainbow em Oslo na  Noruega e irão apresentar  um debate  sobre o processo de gravação  no etudio  e a gravadora ECM Records com quem gravaram.

Conforme os musicos divulgaram, o show “Espera” foi concebido a partir da percepção de que Música, como toda experiência humana, leva tempo para fazer parte de si. O repertório selecionado busca expressar musicalmente a passagem do tempo, homenageando alguns artistas que eles consideram fundamentais de Pixinguinha a “K-Ximbinho”  e reinterpretando obras compostas por artistas contemporâneos que marcaram a trajetória do Duo, como Nailor Proveta e Jayme Vignoli. Fernando e  Franco também irão estrear músicas autorais, “composições nascidas de uma espera atenta e despojada”. – como declararam.

Em setembro de 2019, o duo recebeu um prêmio para gravar esse trabalho no Rainbow Studio, em Oslo – estúdio criado pelo engenheiro responsável pela sonoridade característica da ECM Records, Jan Kongshaug, e onde gravaram Egberto Gismonti, Pat Metheny, Keith Jarrett, etc. Durante o mês de setembro, os músicos estiveram no local para gravação do CD, além de circularem pela Noruega e Alemanha fazendo shows em diversas cidades.

O show  custa  15 reais e será realizado no  Instituto Pavão Cultural que  fica na rua Maria Tereza Dias da Silva, 708  (rua da padaria  Di Capri) a partir das 19h30

 

Roda de Conversa sábado 12, sobre o  Rainbow Studio e a ECM Records

O Duo Sagawa Galvão também está organizando uma roda de conversa no Estudio do Mário , no Guará neste sábado 12 a partir das 19h e o evento é gratuito MAS É PRECISO  FAZER INSCRIÇÃO PARA GARANTIR VAGA.  O debate será sobre a experiência de gravação no Rainbow Studio e sobre sonoridade dos albúns lançados pelo selo ECM Records como contrapartida ao licenciamento do projeto pelo programa estadual de cultura, o PROAC. .
O estudio Raimbow de Oslo foi criado pelo engenheiro de som Jan Erik Kongshaug, considerado um dos principais responsáveis pela caracteristica audiofonica dos albuns da ECM Records.  Por este selo, Jan Erik gravou mais de 700 discos. Segundo Sagawa, a ECM Records conquistou o título de  “o som mais belo depois do silêncio” e entrou no rol dos grandes selos de música instrumental do seculo XX, com destaque para o Jazz europeu.

Roda de Conversa no Estúdio do Mario

Rua José Pugliesi Filho, 668- Guará Barão Geraldo

dia 12/10, às 19h

Gratuito

As inscrições para participar do evento deverão ser feitas pelo email duosagawagalvao@gmail.com

 

Curriculos resumidos

Fernando Sagawa Iniciou os estudos de música aos 10 anos no Conservatório Allegro em São Carlos/SP. Em 2011 graduou-se no Curso de Música Popular – Unicamp com ênfase em saxofone. Nos anos seguintes se apresentou em festivais no Brasil, Argentina (Mostra Il Birri/2012), Uruguay (Jazz a la Calle/2013) e Portugal (Harmos Plural 2013). Entre 2013 e 2015 desenvolveu pesquisa de Mestrado sobre o saxofonista Vitor Assis Brasil na Unicamp sob orientação da Profa. Dra. Regina Machado. Atualmente estuda composição com Rodrigo Lima, Valéria Bonafé e Alex Buck na Escola de Música do Estado de São Paulo. A partir de 2018 inicia uma série de parcerias com o produtor e compositor Dante Ozzetti que resultaram nos shows Canção do Amor Demais – Outra Vez (com Ná Ozzetti/2018) e Tirando de Letra (com Nivaldo Ornelas e Gabriel Grossi/2019) e na produção do disco Princesa de Aiocá (Mariana Furquim/2018). Participa como instrumentista, arranjador e compositor dos grupos Ná Ozzetti (2018); Regina Machado (CD Multiplicar-se única, 2017); Picadinho da Velha (CD Choros de Guerra-Peixe, 2015, com produção de Nailor Proveta); Vitoru Kinjo (CD Kinjo, 2017), Pedro Papel (CD Vox Pop, 2017); João Suplicy e Big Band Na Gaveta.

Franco Galvão iniciou os estudos de Bateria em 2002. Em 2006, frequentou aulas Band, na Alonso Stagg High Scholl, em Orland Park, Il., EUA. Em 2009, entrou para a Bateria Alcalina, em que foi mestre por 2 anos. Entre 2010 e 2013, desfilou pela bateria da Escola de Samba Nenê de Vila Matilde (SP). Entre 2011 e 2014, foi membro do Grupo de Pífanos Flautins Matuá e participou dos Encontro de Culturas Tradicionais (GO), Festival Espírito Mundo (Inglaterra); e Festival Samba al País(França). Em 2013 e 2014, idealizou e produziu o Encontro de Choro de Campinas. Em 2014, gravou no disco Eu Sou Sinhá; tirou terceiro lugar no Prêmio Nabor Pires, com André Ribeiro; tocou com Chico César na Virada Cultural de Campinas; e acompanhou Riachão, no Ibirapuera (SP). Em 2015, idealizou, produziu e gravou no disco Choros de Guerra-Peixe, premiado pelo PROAC 2014, dirigido por Nailor Proveta e arranjado por Jayme Vignoli. Também em 2005, participou do show Janelas do Tempo, da cantora Ana Salvagni, recebedora do Prêmio da Música Brasileira 2010. Em 2015, recebeu a bolsa Aluno-Artista da Unicamp, para pesquisar o violão de sete cordas formando o Duo São Paulo, com o qual realizou turnê pela Argentina. Em 2016, recebeu a bolsa Ação Cultural, para circular pela Unicamp com o concerto de violão solo (só)LIDO. Em 2017 e 2018, estudou composição com Cristóvão Bastos, na Casa do Choro; e violão de sete cordas com Marcello Gonçalves. Atualmente, além da performance, arranja e realiza produção musical

Sofia Chiavacci e Vinicius Fonseca

Duo Sagawa Galvão 6 live (cred. Maycon Soldan).jpg

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s