Grande Campinas

Com mais de 100 casos Campinas e Paulínia participam do “Dia D” nacional contra o sarampo

As secretarias de Saúde de Campinas e Paulínia participam neste sábado, 19 de outubro, da 1ª fase da Campanha nacional de vacinação contra o sarampo. Juntas as cidades  somam 104 casos  confirmados No Brasil  foram quase 6200 casos e 13 mortos 96% dos casos confirmados estão concentrados no estado de São Paulo, em 192 municípios
A estratégia é voltada para crianças de seis meses de vida a menores 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias) que ainda não tomaram as doses indicadas para a idade.
Em novembro ocorrera a 2ª fase para adultos entre 20 e 29 anos – segundo maior grupo de vitimas
Os 64 Centros de Saúde de Campinas vão abrir das 8h às 17h. Também vão funcionar 22 postos extras em locais estratégicos de grande movimentação de pessoas na cidade. Além disso, quatro equipes volantes vão percorrer áreas rurais de Joaquim Egídio e Sousas.
 Em Paulinia no mesmo horario  a  vacinação será nos postos do Centro , Cooperlotes, Parque da Represa, Monte Alegre, Betel, Jardim Amélia, Jardim Planalto, João Aranha e São José no mesmo horario além de três postos volantes serão montados no Paulínia Shopping, na entrada do Residencial Pazetti e no Pague Menos João Aranha.
Estudantes do ETEP (Escola Técnica de Paulínia) também irão participar do “Dia D de Vacinação Contra o Sarampo”, realizando teatro educativo nos postos volantes e em algumas unidades básicas de saúde.

EM BARÃO  OS DOIS POSTOS  ESTARÃO ABERTOS   DAS 8 AS 17h

Clique e confira os horários e endereços em Campinas :
Informações também podem ser obtidas pelo telefone 156 ou no banner eletrônico no portal das Prefeituras

As crianças são mais suscetíveis às complicações da doença, que podem evoluir para óbito. Nos últimos 90 dias, foram confirmados 13 óbitos pela doença no Brasil, sendo sete óbitos (53,8%) em menores de cinco anos de idade, dois (15,4%) na faixa etária de 20 a 39 anos e quatro (30,8%) em adultos maiores de 40 anos. As crianças menores de um ano apresentam incidência de 106,1/100.000 habitantes, número 12 vezes superior ao registrado na população geral (8,5/100.000), seguido pelas crianças de 1 a 4 anos (23,8/100.00), o que confirma essas faixas etárias como as mais suscetíveis a complicações e óbitos por sarampo.

Ainda de acordo com o último boletim epidemiológico de sarampo, do Ministério da Saúde, o Brasil registrou, nos últimos 90 dias, 6.192 casos confirmados de sarampo, o que corresponde a aumento de 15% em relação ao período de monitoramento anterior. Vinte estados estão na lista de transmissão ativa da doença e 96% dos casos confirmados estão concentrados no estado de São Paulo, em 192 municípios

Para viabilizar o ‘Dia D’, além de manter a vacina de rotina nos postos de saúde e fazer bloqueio vacinal, o Ministério da Saúde adquiriu este ano 60,2 milhões de doses da vacina tríplice viral, que previne contra sarampo, rubéola e caxumba, representando a maior compra de vacinas contra o sarampo dos últimos 10 anos.

Dose Zero
Antes, a primeira dose contra o sarampo era feita quando a criança completava um ano mas, no início de agosto, a Secretaria de Saúde de Campinas adotou a estratégia da chamada dose zero, para crianças a partir de seis meses de idade. A medida se antecipou à recomendação do Ministério da Saúde, que dias depois anunciou para o País como um todo.
A dose zero não substitui as de rotina, que devem ser mantidas aos 12 meses, por meio da vacina tríplice viral, e aos 15 meses, por meio da vacina tetraviral ou pela tríplice viral associada à vacina contra a varicela. A efetividade da vacina é maior para aqueles que tomaram todas as doses recomendadas.
Cobertura vacinal em Campinas
Cerca de 85 mil crianças já foram vacinadas contra o sarampo no município em 2019. Ainda assim, diante da situação epidemiológica no País e no Estado de São Paulo, Campinas está promovendo esta nova intensificação da vacinação contra a doença. Esta campanha voltada para crianças começou no dia 7 de outubro, terá este Dia D amanhã e termina no dia 25. Durante este período exclusivo de campanha foram vacinadas 1.097 crianças (já incluídas nas mais de 85 mil). Uma segunda fase irá intensificar a vacinação de adultos de 20 a 29 anos, entre 18 e 30 de novembro.
Importância da vacina
A diretora do departamento de Vigilância em Saúde (Devisa) de Campinas, Andrea von Zuben, afirma que a vacina é a única forma de interromper a cadeia de transmissão do vírus. “Os adultos devem levar as crianças para tomar a vacina, que é segura e está disponível em todos os centros de saúde e, neste sábado, terá postos extras. Chamamos atenção para a dose zero, considerando que a maior parte dos acometidos pelo sarampo é de crianças menores de 1 ano, período em que as taxas de complicações e óbitos são maiores porque o sistema imunológico do bebê responde com menos intensidade ao vírus. Mas, o esquema vacinal deve estar completo em todas as faixas etárias”, diz.
104 casos confirmados  – sem contar  Sumaré e Hortolandia 
Dados de novo boletim divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde nesta sexta-feira (18 de outubro) apontam 86 casos de sarampo confirmados em Campinas. Os casos foram notificados entre 8 de julho e o último dia 17.
Dos 86 casos, 27 foram registrados em menores de um ano; 20 são em crianças entre 1 e 4 anos; cinco, em crianças entre 5 e 9 anos; um entre 10 e 14 anos; cinco entre 15 a 19 anos.
Outros 20 casos ocorreram em adultos na faixa etária entre 20 e 34 anos; sete, na faixa entre 35 e 49 anos de idade. E ainda há um caso entre 50 e 64 anos. Não houve óbitos.
Em Paulinia  foram 22 casos confirmados  (VEJA QUADRO ABAIXO)
16 descartados e sete em investigação. Sendo 13 crianças (a maioria  ate 3 anos) e 9 adultos (AB)

74216667_3141510092557429_2610326516571045888_n

c231f73d-f689-48cb-85d2-95e2cb7a971f

CAMPANHA NACIONAL DE VACINAÇÃO

Lançada no início deste mês, a Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo prioriza dois grupos. O primeiro vai de 7 a 25 de outubro e imuniza crianças de 6 meses a menores de 5 anos, com o dia D de vacinação em 19 de outubro. Já o segundo grupo, previsto para iniciar em 18 de novembro, será direcionada para adultos entre 20 e 29 anos que ainda não atualizaram a caderneta de vacinação.

A meta é vacinar 2,6 milhões de crianças na faixa prioritária e 13,6 milhões de adultos. Para viabilizar a ação, o Ministério da Saúde garantiu a maior compra de vacinas contra o sarampo dos últimos 10 anos. Ao todo, 60,2 milhões de doses da tríplice viral foram adquiridas para garantir o combate à doença nos municípios.

Campanha via custar R$ 206 milhões ao pais

A partir desta sexta-feira (18/10) estão disponíveis R$ 103 milhões, dos R$ 206 milhões, anunciados nesta semana pelo Ministério da Saúde, para que estados e municípios possam ampliar a cobertura vacinal, o controle de surtos e a interrupção da transmissão do sarampo, e outras doenças possíveis de imunização, em todo o país. O quantitativo já foi repassado aos Fundos Municipais de Saúde, de acordo com o tamanho da população de cada município.

A outra parte do recurso (R$ 103 milhões) só será liberada mediante o cumprimento de duas metas pelos estados e municípios: alcançar 95% de cobertura vacinal, da primeira dose da tríplice viral em crianças de 12 meses de idade; e informar o estoque das vacinas de poliomielite, tríplice e pentavalente às Secretarias de Saúde dos Estados e ao Ministério da Saúde.

A apuração das duas metas será realizada a partir de 2 de dezembro de 2019, após o encerramento da segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo, em 30 de novembro, sendo o recurso repassado na competência financeira seguinte ao encerramento.

Para alcançar as metas estabelecidas pelo Ministério da Saúde, os estados e municípios deverão ampliar e garantir o acesso às ações de vacinação nos serviços da Atenção Primária à Saúde, a partir da implantação dos dez passos essenciais para vacinação, lançado na semana passada pela pasta. Os dez passos consistem em implantar procedimentos operacionais padrão, além de manter atualizada as listas da população-alvo do Calendário Nacional de Vacinação, e realizar a busca ativa dessa população.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s