Bairros

Tourinho promete Parque, revisão de tarifas e posto de saúde

O atual vereador e candidato a prefeito pelo PT, Pedro Tourinho, em entrevista ao Jornal de Barão, declarou que, se eleito irá criar o Parque na Fazenda Rio das Pedras, rever as distorções no IPTU, na tarifa de água e dos ônibus, fazer um posto de saúde no Jd. São Gonçalo (Rua Eduardo Pereira de Almeida) e criar um Conselho outras propostas abaixo. (ressaltamos as que o  jornal considera mais importantes e prioritárias na resposta do candidato). Morador em Barão Geraldo Tourinho também promete a regularização dos moradores do Recanto dos Pássaros e Piracambaia (e outros não regulares) , resolver todos os problemas urbanos e viários e apoio à Arte e Cultura em Barão como em toda a cidade. Entendemos que o compromisso se estende também à candidata a vice, Edilene Santana (PSOL).

Em primeiro lugar Pedro disse que em seu programa de Governo tem algumas propostas que responde as necessidades de Barão.

Primeiro que vai implantar na prefeitura um sistema chamado de “Governo Aberto“, através de uma (nova?) plataforma tecnológica que permitirá planejamento com base na participação direta da população e amplo acesso à informação. (Algo correlato, talvez melhorado, ao atual sistema do 156)

Conselho Regional de Desenvolvimento de Barão

Para Barão Geraldo , Pedro Tourinho declara que irá criar um “Conselho Regional de Desenvolvimento de Barão” dentro da proposta de seu Programa de governo, de descentralização da administração por meio das subprefeituras e ARs, e assim atribuindo ao distrito de Barão Geraldo mais autonomia para cuidar mais de perto de suas necessidades e problemas “muito além dos cuidados de zeladoria”.

Vamos instituir uma governança local democrática com desenvolvimento regional, criando o , que deverá ser formado por moradores da região, eleitos diretamente, cabendo-lhes debater e deliberar sobre os temas locais e as necessidades de desenvolvimento local. Dentro desse modelo, as deliberações do Conselho que exijam novas ações do poder público municipal deverão ser submetidas ao Prefeito, visando seu estudo de viabilidade e integração ao sistema de participação social do município.” – disse Pedro.

“MOBILIDADE ATIVA”

Também disse que vai implantar um programa específico de “mobilidade ativa”, com uma rede cicloviária, integrada aos ônibus e acessibilidade.

ESPAÇO PARA ENTREGADORES DE APP

Também promete criar espaços próprios para os entregadores de moto (ou “trabalhadores de app”), para descanso e higiene pessoal.

ILUMINAÇÃO POR LED

Pedro prometeu também expandir a rede de iluminação por LED, “para todo o território urbano” para aumentar a segurança da população.

Criação do Parque na Rio das Pedras

Pedro diz que já tem antigo contato com as lideranças do movimento pela transformação da Fazenda Rio das Pedras em Parque. Mesmo porque vários integrantes ou apoiadores do movimento – que é apartidário – fazem parte ou são apoiadores do PT. Pedro dsse que ja vem lutando há algum tempo pelo Parque mas culpa a gestão de Jonas ter abandonado Barão ( o que aliás é obvio) .

(Importante ressaltar aqui, mais uma vez, que o movimento Pró Parque não defende a desapropriação total da fazenda. Mas apenas que 70% da área central , boa parte já tombada pelo CONDEPACC, seja doada em troca de 30% que seriam tornados área urbana e destinados a comercialização. Mas há grupos que defendem que toda a área deveria ser preservada e desapropriada (com indenização é claro) devido à sua importância histórica e científica (além da ecológica é claro) não só para Campinas , como para todo o pais , como o Movimento pela Preservação Histórica de Barão , algumas lideranças políticas e o próprio jornal. O Jornal é apoiador do Movimento e sempre divulga , embora defendemos essa concepção diferente mas que em nada atrapalha.

Recanto dos Pássaros e Piracambaia

Tourinho também promete criar um “Programa de Regularização Fundiária” para resolver os problemas de moradores de ocupações ou de bairros que não estão regularizados como o Recanto dos Pássaros e o Piracambaia, porém priorizando as áreas de interesse social e a urbanização de áreas de favelas e moradias precárias. “Todos terão Moradia digna”

Mais um Centro de Saúde em Barão e reformulação da saúde em geral

Tourinho também promete a criação de mais um centro de Saúde no Jd São Gonçalo para atender toda a Região da Mata. Além disso promete uma mudança total na área da Saúde: “É evidente a falta de médicos, de especialistas, a má administração e a falta de gerenciamento na saúde.”

Revisão Tarifária (IPTU, SANASA e ônibus)

Outra coisa importante que Pedro Tourinho promete é uma revisão tarifária geral das principais tarifas de Campinas Como o valor a passagem de ônibus (que ele promete não aumentar e auditar), rever os valores das contas da SANASA e do IPTU. Como Prefeito irei rever as graves distorções da planta de valores, que atingem regiões de Barão.” E lembrou que quando era vereador, votou contra o projeto do Jonas que aumentou em 40% o IPTU para 210 mil imóveis. Tourinho lembra que esse projeto de aumento do IPTU foi colocado em votação em regime de urgência pelo então vereador Rafa Zimbaldi, “sem qualquer aprofundamento da discussão”.

Apoio a coletivos de Cultura

(“outra força de Barão” )

Na questão da Cultura (arte?) Pedro disse que é ” outra grande força de Barão”, e prometeu estimular a produção local, “criando espaços e pontos de cultura para fortalecer expressões de base comunitária.

Mas nesse caso foi mais genérico. Disse que a política cultural dele será para toda a cidade e feita com “amplo diálogo com coletivos e associações” e com a mesma solução ao estilo das leis Rouanet e Proac e Ficc em Campinas: com “subsídios ou isenção de taxas para atividades artísticas, culturais e de formação, mediante contrapartida social, como eventos gratuitos ou oficinas para as comunidades.” Porém talvez com algumas reformulações nas Leis provavelmente.

FORTALECER O TURISMO EM BARÃO

Sobre o projeto de Integração do Turismo em Barão Pedro Tourinho parece não concordar com a forma como a proposta é apresentada

Ele concorda em fortalecer o potencial turístico de Barão, porém dentro do conceito do Programa do PT que tenta despersonalizar as pessoas e não “privilegiar” locais de reconhecido valor histórico-cultural de Barão como o sobrado do Barão que tem 150 anos, a Estação que deu origem ao distrito (cujo prédio vai fazer 100 anos), a Avenida de Bambu ( que também mais de 120 anos), o “Capão do Boi” (de importância tradicional , existente e referido desde o início do século 20 por exemplo) .

Pedro reconhece que o turismo é uma importante atividade econômica geradora de trabalho e renda, mas diz que deve ser articulado à participação real de toda a comunidade, “desde a edição de um novo mapa e roteiro turístico cultural até as políticas de proteção ao patrimônio histórico material e imaterial.” Ou seja. Para ele, a definição do que deve ou não ser preservado ou criado deve passar pelos “mecanismos de participação e diálogo das populações e suas organizações junto à subprefeitura de Barão“. E assim diz que seu governo vai facilitar a participação dos moradores no debate de propostas, como as apresentadas pelo Jornal de Barão, “dedicando especial atenção àquelas que necessitam ser encaminhadas para análise de tombamento pelo CONDEPHAC Campinas, à luz da política de proteção do patrimônio material e imaterial.

Dentro do conjunto de ações de nosso programa de governo para garantir aos cidadãos o direito de conhecer, visitar e fruir os espaços históricos e socialmente significativos.” – declarou

Obras nos bairros

Inicialmente Pedro lembrou que fez mais de 100 indicações na Câmara de necessidades de serviços em Barão e que a grande maioria não foi atendida pela Prefeitura. Por isso ele critica a Prefeitura – e a Subprfeitura – de terem sido incapazes de “atender demandas simples” como necessidades de asfalto, calçadas, iluminação, ciclovias, pontes, acostamento, lombadas, sinalização e até de limpeza. Segundo Tourinho todos esses serviços de manutenção e pequenas obras locais são de responsabilidade exclusiva do Executivo, “o que indica descaso e incapacidade de planejamento da atual administração. No nosso governo, todos os problemas específicos abordados pelos moradores (na pesquisa levantada pelo Jornal de Barão) serão considerados e tratados com a máxima brevidade.

Pedro Tourinho disse que em seu governo a solução dos problemas locais será feita com a “participação da população”. Consultando as associações .

O candidato a prefeito Pedro Tourinho(PT) e a candidata a vice Edilene Santana (PSOL)

VEJA A ÍNTEGRA DA CARTA DO CANDIDATO

Tenho a felicidade de morar em Barão Geraldo, onde crio meus três filhos. Durante o mandato de vereador, apoiei diversas lutas travadas pelos moradores, como a criação do parque na Fazenda Rio das Pedras. Foram inúmeras reuniões com lideranças do movimento e requerimentos junto à Prefeitura, buscando informações para apoiar as negociações. Porém a atual administração nesta e em tantas outras reivindicações, simplesmente abandonou a nossa região. Meu compromisso como Prefeito é criar o Parque de Barão Geraldo nas terras da Fazenda Rio das Pedras.

Nosso programa de governo é claro quanto à preservação das áreas com vegetação relevante e de uso rural, conservando os corredores ecológicos de Campinas. Também exigiremos das concessionárias das rodovias a construção de corredores e pontes verdes para travessia de animais silvestres, evitando constantes acidentes fatais.

Conselho Regional de Desenvolvimento de Barão

Descentralizaremos a administração por meio das subprefeituras e ARs, atribuindo ao distrito de Barão Geraldo autonomia para cuidar mais de perto de suas demandas, muito além dos cuidados de zeladoria. Vamos instituir uma governança local democrática com desenvolvimento regional, criando o Conselho Regional de Desenvolvimento de Barão, que deverá ser formado por moradores da região, eleitos diretamente, cabendo-lhes debater e deliberar sobre os temas locais e as necessidades de desenvolvimento local. Dentro desse modelo, as deliberações do Conselho que exijam novas ações do poder público municipal deverão ser submetidas ao Prefeito, visando seu estudo de viabilidade e integração ao sistema de participação social do município.

Regularização fundiária

A solução definitiva para as ocupações existentes na região virão com o Programa de Regularização Fundiária que será implementado em toda a cidade, com prioridade para as regularizações de interesse social e a urbanização de áreas de favelas e moradias precárias.

Arte e cultura

Para apoiar a cultura, outra grande força de Barão, vamos estimular a produção local, criando espaços e pontos de cultura para fortalecer expressões de base comunitária.

Nossa política cultural será resultado de um amplo diálogo com coletivos e associações, e vamos oferecer subsídios ou isenção de taxas municipais para atividades artísticas, culturais e de formação, mediante contrapartida social, como eventos gratuitos ou oficinas para as comunidades.

Integração e fortalecimento do potencial turístico em Barão

Vamos fortalecer o potencial turístico de Barão, dentro do conjunto de ações de nosso programa de governo para garantir aos cidadãos o direito de conhecer, visitar e fruir os espaços históricos e socialmente significativos.  Reconhecemos no turismo uma importante atividade econômica geradora de trabalho e renda, que deve ser articulada por meio de uma política que envolva a participação real de toda a comunidade, desde a edição de um novo mapa e roteiro turístico cultural até as políticas de proteção ao patrimônio histórico material e imaterial.

Para isso vamos ampliar os mecanismos de participação e diálogo das populações e suas organizações junto à subprefeitura de Barão.

Vamos facilitar a participação dos moradores no debate de propostas, como estas apresentadas por meio do Jornal de Barão, dedicando especial atenção àquelas que necessitam ser encaminhadas para análise de tombamento pelo CONDEPHACC Campinas, à luz da política de proteção do patrimônio material e imaterial.

Distorções no IPTU

Como vereador, votei contra a aprovação do projeto do Jonas que aumentou em 40% o IPTU para 210 mil imóveis, e foi colocado em votação em regime de urgência pelo então vereador Rafa Zimbaldi, sem qualquer aprofundamento da discussão. Como Prefeito irei rever as graves distorções da planta de valores, que atingem regiões de Barão.

Deficiências dos serviços de manutenção e obras

Como apontam os grupos do Jornal de Barão, é impressionante o número de demandas simples que não foram atendidas pela atual administração. Ao longo do meu mandato fiz mais de 100 indicações e requerimentos na Câmara especificamente para nossa região, trazendo as demandas de asfalto, calçadas, iluminação, ciclovias, pontes, acostamento, lombadas, sinalização, limpeza. Muitas delas de fácil solução mas que não foram resolvidas, demonstrando a incapacidade da Subprefeitura da região e da Prefeitura da cidade.

Todos esses serviços de manutenção e obras são de responsabilidade exclusiva do Executivo, o que indica descaso e incapacidade de planejamento da atual administração. No nosso governo, todos os problemas específicos abordados pelos moradores dos grupos do Jornal de Barão serão considerados e tratados com a máxima brevidade.

Dentro do meu governo, a solução dessas demandas passará pela participação da população. Entre as várias formas de participação, vamos implantar um sistema chamado de Governo Aberto, com uso de uma plataforma tecnológica que permitirá planejamento com base na participação direta da população e amplo acesso à informação.

Destaco mais alguns pontos do nosso Programa de Governo alinhados com as demandas dos moradores de Barão: implantaremos um programa específico de mobilidade ativa, com a adoção de uma rede cicloviária, inclusive com integração ao transporte público, e acessibilidade. Com relação aos trabalhadores de app, vamos criar espaços próprios para descanso e higiene pessoal. E vamos expandir para todo o território urbano a rede de iluminação por LED, aumentando a segurança da população.

Saúde humanizada

Dentro da nossa proposta de ampliação e reestruturação dos serviços de saúde da cidade, faremos um centro de saúde no São Gonçalo, para atender a população do distrito que fica do outro lado da avenida Zeferino Vaz. É evidente a falta de médicos, de especialistas, a má administração e a falta de gerenciamento na saúde. Uma cidade do porte de Campinas pode
ter – e nós vamos fazer – um SUS humanizado e sem filas.


Pedro Tourinho – Prefeito 13

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s