Bairros

Prefeitura e GM lacra e autua bares no Pq das Universidades

A Prefeitura de Campinas autuou,  na noite desta sexta-feira, 28 de maio, 10 bares da cidade e destes, lacrou nove. Entre eles o bar EMBREV no Parque das Universidades e que ja vem causando problemas com constantes pancadões no bairro nos finais e às vezes até em dias da semana com altos registros de decibéis. (VEJA ABAIXO AÇOES NO BAIRRO)

Todos serão multados, totalizando R$ 30.308,88. Os estabelecimentos estavam funcionando, quando deveriam estar fechados, descumprindo os decretos e o toque de recolher, às 21h.

A ação, coordenada pela Vigilância Sanitária, do DEVISA (Departamento de Vigilância em Saúde), percorreu 60 bares em diversos bairros e mobilizou 60 profissionais, divididos em cinco equipes.    

A operação teve início às 21h e atuou em vários outros bairros e contou com a participação de equipes do Procon (Departamento de Defesa ao Consumidor), Seplurb (Secretaria do Planejamento e Urbanismo), Setec (Serviços Técnicos Gerais), Defesa Civil , Guarda Municipal (GM), Polícias Civil e  Militar.   

Segundo a Prefeitura, antes da ação integrada, a Vigilância Sanitária fiscalizou 19 estabelecimentos como lojas de conveniência, padarias, lanchonetes, academias e restaurantes nos bairros Chapadão e Castelo, para verificar cumprimento das medidas sanitárias, mas nessas não houve autuação.

CONSEG decidiu ação contínua com Pucc e Unicamp contra aglomerações

As constantes reclamações levou o CONSEG (conselho de Segurança de Barão) a debater o problemas do Parque das Universidades na ultima reunião, ha quase um mês com participação dos coordenadores de vigilância da Puccamp (Fábio Silva) e da Unicamp (Lina Nakata) e até do vereador Luiz Rossini, além dos coordenadores da Segurança na região.

Na reunião , a diretoria do Conseg, solicitou e decidiram fazer uma ação integrada com a Guarda todos os dias no bairro para dispersar os pancadões e aglomerações que se formam na na Avenida Ana Maria Silvestre Adade e perto desses bares

IMAGENS ENVIADAS POR MORADORES QUE NÃO QUEREM SE IDENTIFICAR

OUTRAS AÇOES NA CIDADE

Em várias ações de fiscalização, a Prefeitura de Campinas, na noite deste sábado para domingo, dias 29 e 30 de maio, fechou seis estabelecimentos e lacrou um deles; abordou 232 veículos em barreiras sanitárias e 369 pessoas foram orientadas no toque de recolher.  Além disso, mais de 5.200 pessoas foram dispersadas, em diferentes pontos da cidade, por causar aglomeração.  Os dados referem-se a ações de diversos setores como Guarda Municipal (GM), Secretaria de Planejamento e Urbanismo (Seplurb), Setec, Vigilância Sanitária, do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa), Defesa Civil e Procon (Defesa de Proteção ao Consumidor).

   Segundo disse a secretaria de comunicação, a prefeitura tem feito ações contínuas e sistemáticas de fiscalização, tanto em operações individuais de rotina de cada órgão quanto ações conjuntas da força-tarefa Covid-19. As denúncias podem ser feitas pelo telefone 153, da Guarda Municipal, e pelo 156.

Guarda Civil participou da ação no Parque das Universidades onde já frequenta com assiduidade para dispersar pancadões e aglomerações (IMAGEM ENVIADA AO CONSEG POR MORADOR QUE NÃO QUER SE IDENTIFICAR)

CORREÇÃO: Informamos que houve um erro na publicação anterior. Uma pessoa nos informou que foi o bar LA Bodega mas não foi. O bar La bodega esta fechando às 20h como manda o decreto e não foi fechado. Ja mudamos a informação e pedimos desculpas. O La Bodega informa também que não provoca pancadões/aglomerações e que as pessoas que fazem isso chegam às 22h

2 respostas »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s