Ambientalismo

Quase 1 ano depois, SSP ainda não sabe quando fará desassoreamento da lagoa da S. Isabel

Após quase 1 ano que os moradores reclamam e pedem – através dos meios de comunicação – pelo desassoreamento da lagoa da Vila Santa Isabel – a prefeitura (através do DPJ – Departamento de Parques e Jardins e da SSP Secretaria de Serviços Públicos, responsáveis pelas obras) ainda não tem uma resposta definitiva para a obra pois dependem de outras instâncias e obras. A Lagoa da Santa Isabel fica na praça Marilda de Souza Santos ao lado da Domasa 4 da SANASA e recebe toda a água do Córrego do Guará que desce da Mata Santa Genebra. A praça ao lado da lagoa tinha uma família de patos sempre foi frequentada por pescadores, moradores que faziam campeonatos de jogos e jovens e crianças em busca de lazer

Segundo o morador Edgar Zambuzzi, – uma das lideranças que luta pela revitalização da praça e da lagoa – os pedidos estão sendo feitos através da vereadora Débora Palermo que disse à ele que se reuniu com o Secretário de Serviços Públicos Ernesto Paulella e este lhe garantiu que fará o desassoreamento até o final desse ano

“O secretário informou que até o final deste ano, ele entregará toda a obra, pois devido a demanda de serviços, Ocorreu o atraso no início previsto para a segunda quinzena de Maio” – disse Zambuzzi.

Para o jornal o DPJ informou que a obra será feita em “data a confirmar”: “Em janeiro foi informado que, conforme avaliação dos técnicos da Secretaria de Serviços Públicos, haveria necessidade de desassoreamento da lagoa, uma obra de grande porte, e que a expectativa seria iniciar em maio. Está previsto o desassoreamento, com data a confirmar. Importante esclarecer que o Departamento de Parques e Jardins (DPJ) e a Subprefeitura de Barão Geraldo fazem parte da Secretaria de Serviços Públicos.” – diz a nota do DPJ.

Primeiros pedidos tem quase 3 anos

A luta dos moradores da Vila Santa Isabel começou no final de 2020. Mas segundo Edgar Zambuzzi, a luta pela reforma e revitalização da praça Marilda de Souza Santos já tem mais de 3 anos “antes foram efetuados diversos pedidos na subprefeitura”. Mas a partir de outubro passado, alguns moradores começaram a solicitar na subprefeitura para desassorear a lagoa que estava cheia de aguapés. Como não houve resposta , começaram a fazer vídeos e divulgarem no Facebook.

Em dezembro de 2020 o Jornal de Barão divulgou o primeiro vídeo divulgado nas redes e o pedido à subprefeitura encaminhado ao DPJ. A desculpa era a passagem de governo, deveriam “esperar o novo prefeito entrar“. Mas em dezembro mesmo, Dário Saadi decidiu manter o mesmo secretário que comanda a Secretaria de Serviços Públicos desde 2013. Ernesto Paulella (ou seja, só dependia dele).

Em janeiro deste ano a EPTV publicou a reclamação e o vídeo já divulgado nas redes e pelo Jornal de Barão em dezembro.

Após reportagem da EPTV, ainda em janeiro, o Jornal republicou o vídeo da EPTV. Porém junto, havia uma resposta. No mesmo dia solicitamos uma resposta para quando seria executado. E publicamos a resposta que a assessora Michele Leite, nos informou: que a obra de desassoreamento da lagoa e revitalização da praça seriam realizados em Maio passado. (ou seja , após o Plano de 100 dias)

Em março novo vídeo de outro morador e nova reportagem da EPTV. Dessa vez a SSP declarou que iria dar um retorno no local em 10 dias. O Jornal de Barão publicou mais uma vez…. Mas enfim ninguém apareceu na praça.

https://jornaldebarao.com/2021/03/03/lagoa-da-vila-s-isabel-nao-tem-data-para-ser-desassoreada/

Dessa vez, foram os moradores que se organizaram e eles mesmos limparam, arrumaram, organizaram a praça. Conseguiram – com bastante dificuldade – da subprefeitura para tirar a grande quantidade de mato – depois que eles mesmos já haviam tirado e matado boa quantidade de mato. E com uma “vaquinha” e um trabalho pessoal conseguiram reformar balanços e outros brinquedos e organizar a praça (como também divulgamos https://jornaldebarao.com/2021/04/28/vila-santa-isabel-agora-tem-nova-praca-feita-por-moradores/)

Em Abril nova cobrança e nova promessa para resolução “definitiva” para Maio.

https://jornaldebarao.com/2021/04/10/dpj-promete-avaliar-situacao-do-acude-da-vila-santa-isabel-ate-maio/

Quando Paulella esteve no local:

Dessa vez o próprio Paulella compareceu ao local com uma equipe de engenheiros ambientais, técnicos ambientais da Secretaria do Verde (S.V.D.S.) e pessoal técnico da Mata Santa Genebra, fizeram estudos, discutiram e também vieram coletar água para análise e ficaram de retornar. Nesse dia Paulella disse à Edgar e aos moradores que para fazer o desassoreamento necessita de “autorização do Meio Ambiente” (não sabemos se se referia à CETESB ou à propria S.V.D.S.).

Segundo ele o que decidiram é que irão fazer o desassoreamento não só da lagoa como de todo o córrego até do outro lado da Zeferino. Mas para isso precisam de autorização do “Verde” e o pessoal da Mata irá fazer um replantio de mais de 200 árvores na beira do córrego. “Sem autorização do meio ambiente, não podem iniciar as obras”

Desassoreamento depende do afastamento do esgoto do Recanto dos Pássaros

Conforme a secretaria e os técnicos de meio ambiente já informaram a resolução da limpeza da lagoa só será efetiva se conseguirem desviar ou interromper o despejo do esgoto jogado pelo Recanto dos Pássaros. Pois se não for feito isso, o desassoreamento será sem efeito.

AB

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s