Primeira página

Força tarefa anti Carnaval começa em Barão

Assim como em 2021 a Prefeitura de Campinas decidiu organizar uma força-tarefa para fiscalizar, punir e reprimir eventos de Carnaval na cidade e começar pelo centro de Barão Geraldo porém todas as regiões da cidade serão fiscalizadas. O objetivo é verificar alvarás em bares, restaurantes e locais de entretenimento, cultura, esportes e lazer e suspender eventos que se caracterizem como Carnaval, que estão proibidos na cidade.

Para cumprir a determinação dos decretos 21.984, e 21902 de 17 de fevereiro proibindo eventos de Carnaval, o secretário de segurança Cristiano Biggi organizou uma força tarefa composta por toda a frota da Guarda Municipal, Policia Militar, SETEC, EMDEC, SEPLURB (urbanismo) e Vigilância Sanitária. Ha também um decreto estadual no mesmo sentido. A Operação tem o comando da comandante Lourdes, da Guarda Municipal e do Cel. PM Augusto Leão.

Segundo o secretário Biggi, a GM também fará patrulhamento para coibir pancadões, reuniões em postos de combustíveis e em adegas. “Caso constatada esta atividade, a GM fará a dispersão e, no caso de veículo com som alto, caberá as punições de multa e recolha do carro ao pátio da Emdec”, disse. Segundo Biggi, denúncias de perturbação do sossego em estabelecimentos comerciais serão fiscalizadas pela Seplurb e a GM fiscalizará outras denúncias. Barão foi escolhido para iniciar porque se tornou um polo do carnaval no passado. Cristiano diz que durante o Carnaval os limites de horário de silencio continuam os mesmos durante uma semana normal .

Mesmo os locais com alvarás para entretenimento e de música ao vivo, por exemplo, devem seguir as regras do decreto nº 21.984, de 17 de fevereiro, que estabeleceu novo limite de público para eventos. Com a nova regra, o público sentado permitido passou a ser de 70% da ocupação do estabelecimento. Para o público em pé, a norma permanece a mesma: 50% de ocupação do estabelecimento.

O decreto abrange estabelecimentos que realizam atividades e eventos de entretenimento, culturais, esportivos e de lazer. O Diário Oficial com a publicação do documento está disponível em https://www.campinas.sp.gov.br/uploads/pdf/795666627.pdf.

Cristiano lembra que inicialmente as forças devem apenas orientar num primeiro momento antes de tomar medidas à força O balanço com as ações será divulgado na tarde da próxima quarta-feira, dia 2.

“A Prefeitura de Campinas tem pautado as suas decisões com base em critérios técnicos, como números de casos e mortes, taxas de ocupação de leitos e de transmissão do vírus. Com o aumento dos indicadores causado pela nova onda de covid-19 e a circulação da variante ômicron, as medidas para conter a disseminação da doença continuam sendo priorizadas.”

SOBRE SEGURANÇA EM BARÃO

Questionado sobre a segurança rotineira em Barão que devido aos constantes furtos quase diários , principalmente na área da Cidade Universitária, Biggi disse que determinou à Guarda Municipal rondas diárias em Barão e pediu o mesmo para a Polícia Militar e segundo relatório da comandante Lourdes isso tem feito pelo menos 2 vezes ao dia.

FOTOS Carlos Bassan e Arney Barcelos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s