Ambientalismo

Prefeitura diz que a Rota vai antecipar passagem de fauna no “Tapetão”

A Prefeitura de Campinas anunciou que a Rota das Bandeiras concordou em começar a construir a passagem de fauna subterrânea na Rodovia Zeferino Vaz a partir desta semana – a última de setembro/22. Haviam anunciado que iniciariam as obras nesta segunda, 26/09, porém com as chuvas as obras foram suspensas. As equipes começaram a marcar o local entre o N.A.S. e Ecoponto no Km 117 do “Tapetão” para a instalação de um grande tubo de 2 metros de diâmetro e 82 metros de extensão além de defensas nas laterais da pista para impedir que animais atravessem em outros locais (como no Km 118 onde uma onça foi atropelada por um caminhão).

A previsão do tempo de obra é de cinco meses. A medida vem atender à necessidade de proteger e evitar acidentes e mortes de animais que atravessam a via, especialmente neste trecho e faz parte do projeto de construção de marginais que está previsto na Zeferino nos próximos anos.

A Prefeitura fez a exigência à Rota das Bandeiras depois que lideranças de Barão como Manuel Rosa Bueno e o veterinário Roberto Stevenson entregaram um abaixo-assinado segundo eles com mais de 24 mil assinaturas ao presidente da Fundação da Mata S. Genebra (Fundação José Pedro) Cidão Santos, que prontamente recebeu e anunciou seu apoio ao pedido.

O abaixo assinado diz da urgência da passagem de fauna que não poderia esperar pela construção das marginais da Zeferino pela Rota, devido a uma média de quase 40 animais mortos por mes mas que é contestada pela empresa. (A construção das marginais já foi aprovada pela CETESB mas está enfrentando mudanças de projeto dentro da empresa para adaptações a necessidades e realidades locais e por isso vem sendo motivo de sigilo pela empresa. Muitas dessas necessidades foram as contestações na justiça pelos proprietários desapropriados.)

Com o apoio de Cidão o abaixo assinado foi entregue à prefeitura no final de agosto através do secretario do verde Rogério Meneses que disse sempre defender a priorização da passagem de fauna. “E assim a Prefeitura reforçou, junto à concessionária, a necessidade para antecipar a construção da passagem de fauna.

Esta é uma obra ambiental muito importante e esperada pela Mata de Santa Genebra e pelos moradores da região. Há muitos atropelamentos de animais nessa altura da via e, quando a obra estiver concluída, poderão circular com mais segurança”, considerou o presidente da Fundação José Pedro de Oliveira, Cidão Santos.

Além desta obra, outras medidas, acordadas com os ambientalistas, estão sendo desenvolvidas em conjunto pela Fundação José Pedro de Oliveira, gestora da Mata de Santa Genebra; a Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento); e as Secretarias Municipais do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento e Sustentável e de Serviços Públicos.

Estamos trabalhando em conjunto para minimizar os riscos de acidentes para os animais, como sinalização, redutores de velocidade, instalação de tubos de passagem, entre outros”, complementou o secretário do Verde, Rogério Menezes.

A assessoria da Rota das Bandeiras não retornou nossas solicitações. Em agosto anunciaram que começariam as obras em outubro.

(AB)

O presidente da Fundação da Mata , Cidão Santos, o ativista Manuel Rosa Bueno, o veterinário Robert Stevenson e o presidente da EMDEC Mauricio Riverette

Km 117 – entre a Horta de seu Franco e o Ecoponto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s