Bairros

PM prende ladrão de mochilas em carros na Cidade Universitária pela 2ª vez

A Policia Militar prendeu nesta terça 4/10 um ladrão que já vinha sendo procurado na região. A prisão foi efetuada logo depois dele arrombar uma Fiat Toro, que estava próximo ao Centro Médico. Pessoas que viram o roubo ligaram 190, informando as características do veículo – um Celta – e os policiais foram atrás.

A prisão foi possível por várias razões. Uma das vítimas forneceu o número de seu celular que tinha rastreador ligado e com isso a PM localizou a posição dele em trânsito pela avenida Barão de Itapura. Além disso, quando ele percebeu uma viatura da PM o perseguindo, passou a fugir em alta velocidade, ultrapassando sinais vermelhos, jogando o carro contra outros veículos e procurando se esconder;

E após perseguição “cinematográfica” por vários bairros da região do Taquaral ele acabou entrando em uma rua sem saída na Chácara da Barra, onde abandonou o Celta e seguiu fugindo a pé com 3 mochilas quando foi cercado. Segundo Mendonça ao ser cercado gritava que estava sendo agredido e pedia para populares filmar a ação e assim foi preso. Com ele estavam 5 mochilas e duas bolsas que segundo a PM foram produtos de furto naquele mesmo dia.

Essas 6 mochilas eram produtos de furtos recentes e que no mesmo dia o rapaz já havia quebrado a janela e furtado três carros na região da Cidade Universitária e praticado uma série de furtos em carros no bairro Mansões Santo Antônio. Com ele também foram encontrados 3 notebooks e 5 celulares que foram devolvidos aos donos. Segundo informou o comandante Mendonça as imagens de monitoramento foram fundamentais para a prisão do suspeito. Mas , por decreto, a polícia não pode fornecer o nome de acusados e vitimas.

Ladrão de alta eficiência e rapidez

Segundo o PM o rapaz tem 22 anos, é registrado como “autônomo” (MEI) sempre age sozinho e já tem várias passagens pela justiça. Já esteve preso, mas foi liberado na audiência de custódia e respondia o processo em liberdade. Mas em menos de um mês ele foi preso duas vezes por furto no interior de veículos , só mudando a técnica: iluminava os carros por dentro com uma lanterna e quando encontrava bolsas, procedia o arrombamento.

Só que antes de ser preso a 1ª vez ele tirava os vidros sem destruí-los, com um aparelho chamado “toca pino”. E agora ele mudou usando uma caneta de cortar vidro para cortar e quebrar as janelas dos carros e furtar objetos de valor – em especial mochilas com equipamentos eletrônicos.

Conforme o PM, o rapaz é suspeito de vários furtos em veículos na região da Cidade Universitária, Barão Geraldo e no Taquaral. E dessa vez, por flagrante irá responder com prisão provisória. Mas o delegado da 4ª DP pediu à Justiça que ficasse preso até o julgamento.

(AB)

Imagem de câmera de monitoramento foi fundamental para prender o ladrão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s